BrasilDestaquesEsporteFutebol

Com gol de camisa 10 e de falta, Brasil volta a vencer: 3 a 0 sobre a Coréia do Sul

Lucas Paquetá, Philippe Coutinho, em cobrança direta, e Danilo marcam em dia de grande atuação de Renan Lodi, com duas assistências. Seleção de Tite encerra série negativa de cinco partidas

A série negativa ficou para trás. A seleção brasileira venceu com tranqüilidade a Coréia do Sul por 3 a 0 – gols de Lucas Paquetá, Philippe Coutinho e Danilo – no estádio Mohammed Bin Zayed, em Abu Dhabi, nos Emirados Árabes Unidos. Depois da derrota para a Argentina, o time de Tite venceu seu último compromisso do ano.

 

O Brasil agora só volta a campo em compromisso oficial, nas eliminatórias, em março do ano que vem. O sorteio para a definição da tabela, em pontos corridos, será realizado em Cartagena, na Colômbia, dia 3 de dezembro.

 

Lodi vai bem

O melhor jogador do Brasil na vitória sobre a Coréia do Sul não fez gol. Mas deu passe para dois. Renan Lodi cruzou perfeito para Lucas Paquetá, em boa jogada de Coutinho, no primeiro tempo e foi preciso na segunda etapa, com cruzamento rasteiro, para Danilo fuzilar.

 

Na vitória por 3 a 0 sobre a Coréia do Sul, a seleção brasileira, com cinco alterações, conseguiu soltar mais o seu jogo. Foi interessante notar a aproximação e o entendimento de Paquetá e Coutinho, com apoio de Arthur, quase sempre em avanços pela esquerda. Era lá que subia – e bem – Lodi.

 

Fabinho substituiu bem Casemiro e disse “presente” para a disputa de vaga. Roubou a bola e sofreu a falta no gol de Philippe Coutinho. Aliás, reparou bem? Saiu gol de falta. Depois de quase cinco anos. A última vez tinha sido em batida de Neymar no dia 4 de setembro de 2014 (1 a 0 em cima da Colômbia).

 

Fonte Globoesportes.

Mostrar Mais

Relacionados

Close
Close